MUSCULAÇÃO OU CROSSFIT? ENTENDA QUAL O MÉTODO IDEAL PARA VOCÊ

Recentemente a musculação e o crossfit tem sido muito procurado por praticantes de atividade física. Ainda que tenham métodos diferentes de treinamento, ambas trazem os mesmos benefícios como hipertrofia, definição muscular, perda de gordura, emagrecimento, resistência, condicionamento físico, entre outros.

Mas você deve estar se perguntando qual o melhor método, não é? De fato, não há um método que seja melhor que o outro. A questão é qual método será mais eficiente para alcançar o seu objetivo.

História da musculação

O registro mais detalhado que temos é o atleta Milon de Croton, viveu entre 500 à 580 a.C., que descobriu o método de treinamento mais antigo da humanidade e utilizado até hoje, a progressão de carga para aumento de força muscular. Na época, Milon carregava um bezerro e conforme ele ia crescendo percebia que sua força também aumentava. Ele foi por 6 vezes campeão nas olimpíadas.

A história mostra que a partir do final do século XIX o chamado “culturismo”, juntamente com o “halterofilismo”, tinham suas atenções voltadas para as companhias circenses e teatros, onde eram apresentados “os homens mais fortes do mundo”.

O primeiro campeonato “O Físico mais Fabuloso do Mundo”, surgiu na Inglaterra em 1901, o vencedor foi William Murray e realizado por Eugen Sandow, o homem que foi intitulado pelo rei George I da Inglaterra como: “Professor da Ciência da Cultura Física de sua Majestade”.

Nessa época, ginásios de treinamento foram surgindo com pesos, barras e anilhas e hoje temos as academias cada vez mais modernas e equipadas.

História do crossfit

O CrossFit teve seu início no final dos anos 90, na Califórnia, quando o ex-ginasta Greg Glassman desenvolveu um método de treinamento com o objetivo de obter condicionamento físico de forma geral, utilizando exercícios de alta intensidade.

Quando criança, Greg Glassman teve poliomielite e usou a ginástica para recuperar sua força. Durante seu treino ele percebeu que se usasse halteres e uma barra, ele poderia ser mais forte que os outros atletas que só usavam o peso do corpo para se exercitar.

Glassman abriu sua primeira academia em 1995, foi treinador do Departamento de Polícia de Santa Cruz. Em 2000, a marca CrossFit foi estabelecida, e ao longo do tempo as academias foram surgindo nos Estados Unidos. No início eram 13 e hoje mais de 10.000 academias filiadas a marca, em mais de 97 países.

É um fenômeno do mundo fitness e tem despertado o interesse de atletas e praticantes da musculação por sua metodologia eficaz de exercício e os investidores tem interessado seu modelo de negócio.

Características da musculação

Geralmente o treino é dividido em grupos musculares. Cada dia é possível treinar um ou mais grupos, dependerá do seu objetivo, porém é mais comum treinar grupos musculares grandes antes dos pequenos, realizar exercícios multiarticulares antes de exercícios para uma única articulação, realizar exercícios mais intensos antes dos menos intensos.

As variáveis do treino são:

  • Carga;
  • Amplitude;
  • Intensidade;
  • Tempo de descanso entre as séries;
  • Velocidade do movimento.

Características do Crossfit

O crescimento nos últimos 10 anos explica o fato de ser um treino sem rotina fixa, já que eles contam com o WOD “Workout of the Day” (O Treino do Dia), ou seja, cada treino é uma sequência com um desafio diferente, que têm o papel de forçar o praticante a desempenhar o seu melhor, como se estivesse em uma competição de verdade, o que torna o CrossFit nada monótono

O Sistema Metabólico gerado pelo CrossFit:

  • Sistema ATP de energia imediata
  • Glicólise anaeróbica
  • Sistema de oxigênio.

Concluindo…

Por ser um método de treinamento de condicionamento físico geral, o Crossfit torna-se mais complexo, pois você irá trabalhar vários grupos musculares durante o exercício, o que exige mais força, equilíbrio, consciência corporal e um nível de condicionamento melhor.

Na Musculação, você poderá treinar um grupo muscular isolado, e também controlar a carga, evoluindo do leve para o mais pesado, se tornando assim uma prática mais segura e para quem está começando.

Ainda que ambos métodos ofereçam o mesmo resultado, dependerá do seu objetivo seja ele a curto ou longo prazo e do que for melhor para você.

Em suma, as duas modalidades de treino promovem condicionamento físico e queima de calorias. Não existe uma modalidade que seja melhor, e sim, objetivos diferentes.

O CrossFit tem a vantagem em não ter rotina, cada treino é um desafio, principalmente se você busca melhorar aptidões físicas. Já na musculação, o treino é mais individual, sem grupos ou competições e a hipertrofia é foco principal dos praticantes.

Font: https://blogeducacaofisica.com.br/musculacao-e-crossfit-qual-metodo-ideal/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.